Tag: artigo

Lua Nova de Leão – Quando a alma se valoriza

22 de julho de 2017 Arquivo, Artigos, Astrologia Psicológica, Ciclos Astrológicos, Eclipses, Lua Nova / Lunação, Mecânica Celeste, miscellaneous, Notas, Regional BA, Regional Campinas, Regional CE, Regional MG, Regional RJ, Regional RS, Regional SC, Regional SP, RegionalBA, Resenhas no comments

Quando a alma se valoriza

Pelo que o coração bate mais forte? Que paixão move você? Sabe reconhecer seu valor e talentos? Saímos do ciclo de Câncer, de um momento mais introspectivo pelo contato com o passado e entramos no ciclo de Leão, em que a alma se manifesta em seu esplendor. É como o sol nascente, que traz cor, luz, calor e marca o início de um novo dia, com novas oportunidades criativas. O Sol já foi (e não deixa de ser ainda na atualidade) considerado Deus em muitas culturas, e de fato é o responsável por criar a vida. Leão, regido pelo Sol, carrega consigo a mesma característica. O amor pela vida só pode ocorrer caso haja amor próprio, e Leão carrega em si a essência do amor divino.

CLIQUE E SAIBA MAIS ----------------------------------------------------------------------------------

Lua Nova de Câncer – Quando a alma constela

23 de junho de 2017 Arquivo, Artigos, Astrologia Psicológica, Ciclos Astrológicos, Comunicação CNA, Lua Nova / Lunação, Mecânica Celeste, miscellaneous, Regional CE, Vertentes Astrológicas no comments

Quando a alma constela

“Querida mamãe,

Desculpe-me por demorar tanto para escrever. Toda vez que eu tento escrever a você e ao papai, percebo que não estou dizendo as palavras que estão no meu coração. Estaria tudo bem se eu os amasse menos do que eu amo, mas vocês ainda são meus pais e eu ainda sou filho de vocês.

Tenho amigos que pensam que sou idiota por escrever esta carta. Espero que eles estejam errados. Espero que suas dúvidas sejam baseadas nos pais que os amam e confiam menos neles do que os meus. Espero, especialmente, que vocês vejam isso como um ato de amor da minha parte, um sinal da minha contínua necessidade de dividir minha vida com vocês. Eu não teria escrito, eu acho, se vocês não tivessem me contado sobre o envolvimento de vocês com a campanha ‘Save Our Children’ [‘Salvem Nossas Crianças’]. Isso, mais do que qualquer coisa, deixou clara minha responsabilidade em contar a vocês a verdade, que o filho de vocês é homossexual e que eu nunca precisei ser salvo de nada, exceto da crueldade e da ignorante piedade de pessoas como Anita Bryant.

CLIQUE E SAIBA MAIS ----------------------------------------------------------------------------------

Lua Nova de Peixes – Quando a alma transcende

25 de fevereiro de 2017 Artigos, Ciclos Astrológicos, Eclipses, Lua Nova / Lunação 1 comment

Quando a alma transcende

A cada ciclo lunar nossa alma chama atenção para algum setor de nossa vida. A pauta daquele ciclo será configurada pelo signo em que se encontra a Lunação, os aspectos que recebe e como se relaciona com os pontos do Mapa Natal individual. Pode-se dizer que a cada ciclo mergulhamos um pouco mais em alguma questão e todos esses fatores envolvendo a Lunação (signos e aspectos) representam o tipo de água em que mergulhamos e os desafios e oportunidades que vamos encontrar. Mas duas vezes por ano, em média, o mergulho é mais profundo, que corresponde aos Eclipses. A luz do Sol (consciência) será parcialmente bloqueada pela Lua (alma). A sombra será confrontada e trará aquelas questões que muitas vezes varremos para debaixo do tapete em nosso subconsciente.  Neste dia 26 o Eclipse será no signo de Peixes, e no mesmo dia acontece ainda a grande conjunção de Marte e Urano.

CLIQUE E SAIBA MAIS ----------------------------------------------------------------------------------

Lua Nova em Escorpião – Quando mergulhamos em nossa alma…

30 de outubro de 2016 Arquivo, Artigos, Ciclos Astrológicos, Comunicação CNA, Lua Nova / Lunação, Mecânica Celeste 2 comments

Assim, finalmente, vi Satanás surgir diante de mim – magnífico, formado por inteiro.

Seus pés e pernas brilhantes foram os primeiros a surgir, saindo dos arbustos,

E ele ficou de pé, ereto, com sua pele negra, o nariz dilatado de paixão;

(Ele ficou à luz solar ardente e insuportável, e eu, à sombra dos arbustos);

Vinha dos seus olhos uma vigorosa e mordaz efluência, desdém por sonhos e sonhadores (ele tocou uma rocha dura e a despedaçou, produzindo o som de um trovão);

Vinha de sua carne escura uma forte influência magnética; seus grandes pés, bem formados estavam plantados com firmeza na areia – os dedos separados uns dos outros;

CLIQUE E SAIBA MAIS ----------------------------------------------------------------------------------